Procrastinação… Por que? E Como sair disso?

Você adia tarefas, ações ou coisas que são realmente importantes pra você?

Você fica muitas vezes dando desculpas, que até parecem ser verdadeiras, quando está em busca dos seus objetivos?

Você se sente culpado, ou de certa forma ansioso ou estressado por que, no fundo, sabe que essas ações que você posterga realmente interferem na sua vida e nos seus resultados?

A Procrastinação, que é adiar, não fazer ou não completar as coisas que você deveria fazer (sejam grandes ou pequenas, que geralmente não são tão prazerosas ou incômodas de alguma forma) podem causar sérios problemas no trabalho, estudos, relacionamentos, na saúde…

Isto porque gera uma série de problemas emocionais como ansiedade, baixa autoestima, baixa autoconfiança, depressão, e também cria angustia e grande frustração de não se atingir de fato os objetivos ou resultados desejados.

A maioria de nós procrastina algumas tarefas no dia a dia, e tudo bem… mas o grande problema é quando isso interfere no nosso funcionamento.

E isso pode ser um grande impedidor do sucesso de muita gente.

Muitas pessoas convivem diariamente com ansiedade ou estresse “disfarçados”, e muitas vezes nem sabem identificar o que realmente é… quando na verdade o que existe é medo… por exemplo, medo de ser demitido, de não conseguir alguma coisa, de não decolar ou de não conseguir crescer o faturamento do seu negócio, de fracassar, ou mesmo de ser abandonado, de não conseguir atrair ou manter um relacionamento saudável… tudo isso muitas vezes causado pela procrastinação de tarefas ou ações importantes e essenciais para a vida das pessoas.

E por que as pessoas procrastinam as coisas que são realmente importantes pra elas e preferem viver com essa ansiedade, estresse, depressão… e medo constantes?

Esse é um tópico muito importante e de bastante relevância e é um problema enorme e Universal.

POR QUE AS PESSOAS PROCRASTINAM?

Veja que podemos notar esse tipo de comportamento até mesmo em crianças

Sabe as desculpas que algumas crianças dão quando não conseguem entregar a lição de casa… do tipo: “eu esqueci que tinha tarefa” ou “Meu irmão mais novo estragou a tarefa…” Qualquer que seja a desculpa…  ou mesmo quando não estudam para um prova ou estudam bem na véspera?

A falta de tarefas realizadas de forma adequada angustia crianças, adolescentes e adultos e é realmente uma “praga” porque causa grandes quantidades de preocupação, estresse e ansiedade.

E pior que isso, no caso dos adultos, como mencionei antes, pode ter consequências muito mais sérias como resultar na perda real de um emprego, no desempenho abaixo do potencial e em muita frustração em não atingir objetivos e sonhos.

Embora possa parecer que a solução seria simplesmente se “forçar” a concluir o trabalho ou tarefas, a grande parte das pessoas ignora este fato… ou melhor, não consegue… e isso se deve ao fato do problema ser muito mais profundo.

AS MAIORES CAUSAS DA PROCRASTINAÇÃO

A Procrastinação está diretamente ligada a medos e crenças inconscientes das pessoas… e às neuroassociações que foram criadas durante a vida.

 

1 – Crença: «Não sou capaz»

Uma das maiores causas da procrastinação é a crença terrível de que o trabalho ou tarefa está além das nossas capacidades. Isso pode acontecer mesmo quando se trata de uma tarefa simples mas que faz parte de algo maior que pode ser “além da sua capacidade”.

Não há sentimento pior do que estar sobrecarregado com mais do que somos capazes de lidar.

Isso já aconteceu com você?

A crença de que alguém não é capaz de realizar algo pode resultar no medo de não ser inteligente ou habilidoso o suficiente para realizar certas tarefas.

E aqui vai outro exemplo falando das crianças…

Por exemplo, uma criança que não consegue ler ou cuja compreensão de leitura é muito pobre possivelmente evitará a lição de casa por se sentir incomodada com o sentimento de que não é capaz ou não consegue.

Temer que um trabalho ou uma tarefa esteja acima da habilidade de alguém é algo que muitas vezes angustia adultos e crianças.

No caso dos “perfeccionistas” então, muitas vezes, adiam a finalização de uma tarefa ou projeto porque temem que o resultado seja muito inferior ao perfeito. Com a esperança de evitar tanto as críticas quanto o desapontamento, eles atrasam e demoram até que sua ansiedade se torne intolerável.

E ainda maior que o medo da imperfeição é o medo do fracasso e isso é o que realmente faz com que o perfeccionista adie sua tarefa.

Às vezes as pessoas procrastinam simplesmente porque acham uma tarefa extremamente desagradável, aversiva ou mesmo injusta. Esse é uma boa explicação de porque tantas pessoas declaram seus impostos no último minuto…

2- Crença: «Eu NÃO mereço»

A crença de não merecimento também é uma das que mais faz as pessoas procrastinarem… Às vezes nos recusamos a emprenhar nossos esforços na realização das tarefas essenciais para alcançar nossos objetivos porque, no fundo, não acreditamos que merecemos o resultado.

A crença de que não somos merecedores pode ser decorrente de experiências da infância que podem ter causado sentimentos de inferioridade, de não ser bom o bastante, de não ser suficiente, de não ser importante ou até de não se permitir ser/ter mais” ou “melhor” que alguém.

[epico_capture_sc id=”2681″]

Entrando em Ação para Eliminar a Procrastinação

Existem no mercado várias estratégias de aumento de produtividade e disciplina aos procrastinadores como por exemplo – trabalhar com pequenas tarefas, usar cronogramas e prioridades. Isso pode ajudar sim mas isso por si só não resolve… porque não entram na raiz do problema como vimos acima. (o buraco é mais embaixo).

Como mencionei a causa da Procrastinação está diretamente ligada a medos inconscientes, às crenças das pessoas… e às neuroassociações que foram criadas durante a vida…

Todos nossos comportamentos são movidos basicamente por 2 grandes forças ou motivações (necessidade ou desejo que energiza e dirige o comportamento) – Evitar DOR e Buscar PRAZER.

São essas 2 forças que movem qualquer comportamento humano.

E ainda, a nossa motivação para “evitar dor” normalmente é maior que para “busca de prazer”.

Vou dar alguns exemplos aqui para você pensar:

Por exemplo, uma mulher que acorda e passa maquiagem todo dia, faz isso porque quer se sentir mais atraente ou quer ser notada como mais atraente, isto é, obter mais prazer.

Já uma pessoa que fica postergando o que tem que fazer (qualquer que seja a coisa, pode ser, um telefonema que seja) está evitando a dor.

Quantas vezes não ficamos postergando fazer alguma coisa e somente no prazo final resolvemos fazer – porque neste caso, “não fazer” seria ainda mais doloroso do que fazer.

TUDO QUE FAZEMOS ESTÁ LIGADO A BUSCAR PRAZER E EVITAR DOR.

Por exemplo uma dieta – o prazer de comer versus a dor de ficar gordo. Ou então ou o prazer de entrar em forma versus a dor de passar vontade.

Algumas vezes as decisões são baseadas entre evitar uma dor ou evitar outra dor maior ainda. Neste caso optamos sempre pela opção que vai nos gerar menos dor.

Nós podemos mudar tudo o que associamos com prazer e tudo o que associamos com dor e assim assumir o controle da nossa vida.

Muito do que estamos acostumados a associar se baseia nas nossas experiências do passado.

Por exemplo, uma pessoa que se relacionou muito tempo com outra e depois de um tempo teve uma decepção, uma traição. Essa pessoa pode não querer mais se relacionar novamente caso associe relacionamentos com decepção e traição, ou seja, dor.

Ou então pode até entrar em um novo relacionamento mas quando estiver indo tudo bem ou ficando sério, vai se autossabotar. Autossabotar para dar tudo errado. Assim poupa a dor da decepção e traição…

Você já deve ter feito isso em relação a alguma coisa, não é?

Qualquer que seja o seu objetivo – receber uma promoção, crescer seu negócio, parar de fumar, parar de comer em excesso… Em qualquer área – vida pessoal ou nos seus negócios, você tem que perceber o que te gera dor e prazer, porque é isso que te direciona.

A Autoconsciência já é um ótimo primeiro passo para você ter muito mais controle sobre sua vida em relação à procrastinação.

Comece a reconhecer as associações que você faz automaticamente. E ao que você associa dor e prazer. Desta forma você conseguirá começar a perceber as associações que não estão te fazendo bem e que vão contra seus objetivos.

O SEGREDO DO SUCESSO É TER O CONTROLE DA SUA VIDA.

Foque em começar a reconhecer onde exatamente você procrastina e nas motivações dos seus comportamentos.

Será que você ainda não começou aquela dieta porque associa isso a dor? Será que você não está em busca de mais sucesso financeiro porque associa o dinheiro com dor?

É, tem gente que associa dinheiro com dor… muita gente por sinal… porque vai dar trabalho ter dinheiro ou vai afastar os amigos ou porque não saberá lidar com ele e vai perder… então prefere ficar na zona de conforto.

Ou então será que você prefere não se relacionar com alguém a passar por algum desconforto que possa causar dor, sendo que possivelmente esse relacionamento seria positivo para você?

Você tem que “treinar” usar sua força interior, usá-la todos os dias para te mover para direção que você quer. Aliás é nisso que sempre vou te ajudar aqui.

Comece a prestar atenção no que está acontecendo com você… perceba em você onde existe alguma coisa incoerente ou algum hábito/ padrão negativo… isso já pode ser um grande aliado seu.

E se você quer ir mais a fundo para se livrar de uma vez por todas desse hábito e sentimentos tão negativos da Procrastinação que podem estar diminuindo sua vida eu tenho uma aula gratuita onde eu mostro como eliminar o vício da procrastinação, antes que ela sabote seu futuro brilhante.

Esse com certeza é o caminho mais eficiente e mais rápido para Vencer a Procrastinação.

Afinal quanto vale sua saúde, suas finanças, o bem estar da sua família suas relações com as pessoas, sua própria autoestima, seus sonhos nessa vida?

[Aula] Como eliminar a procrastinação que está te segurando

Então  aproveite!

Dúvidas? Comentários? Não deixa de compartilhar comigo porque eu quero te ajudar! Vamos sempre em busca de viver a altura do que você realmente é capaz e merece.

Forte abraço!

[epico_capture_sc id=”2681″]

 

8 Comentários


  1. Olá André. Este artigo me atingiu “em cheio”. Minha vida financeira está um caos e muito devo a procrastinação. Medo do sucesso, e suas cobranças, crença de “não merecimento” e muitos anos ouvindo que “dinheiro é sujo, vai lavar as mãos garota!”. Estou buscando orientação, URGENTE.

    Responder

  2. O assunto é muito bom, realmente já enviei currículo para emprego, e depois ficava com medo de chamarem para entrevista, achando que eu não teria um bom resultado.

    Responder

  3. Vixe, estou exatamente me sentindo assim, preciso rapidamente de ajuda, no momento estou gestora de uma escola, onde me sinto atarefada de trabalhos, pois faço trabalhos de secretária, coordenador e diretor, acumulando assim várias tarefas, estou sentindo e perdendo até o gosto pelo ambiente, entro em atritos com pessoas que muitas vezes me arrependo. Cansativa sentindo inadimplente com os trabalhos acumulados. Acabei de ler seu texto e entender um pouco de minhas ansiedades. Obrigada, aguardando sua aula… abraços

    Responder

  4. Olá André, bom dia!
    O assunto anda me assombrando há algum tempo já e não sei mais o que fazer, vivo adiando meus planos de organização financeira para conquistar minha independência financeira, meus planos em fazer esportes, já tentei de td, comprei equipamentos para ver se me motivava e nada, não consigo sair de casa… Rsrsr… Estou torcendo para essa aula me dar uma direção. Abraços!!

    Responder

  5. Bom dia André !

    Excelente texto e sim… sou praticante da procrastinação ! Que horror ! Me vi em todas as linhas e conheço bem esse sentimento. Quantas vezes me pego tendo idéias mirabolantes e logo em seguida abafando as mesmas com o medo de “dar certo”. Até mesmo nas tarefas do dia a dia da empresa, os assuntos mais “chatos” vão sendo empurrados com a barriga para -> daqui a pouco !
    O medo da “dor” realmente nos leva para outro caminho…

    Responder

  6. Nossa tudo pra mim , mais. Quero muito mudar mais sozinha é desafiador, grata

    Responder

  7. Olá o que está acontecendo comigo é a questão de reiniciar a minha vida profissional, mas vencerei esta insegurança!

    Responder

  8. Olá André! Cada vez q leio seus artigos uma força interior em mim se move. Minha maior procrastinação é um amontoado de objetos e papeis na minha casa, q quando crio forças e vontade p organizar, paro no meio do caminho dizendo p mim mesma q amanhã termino, e o local q já consegui organizar no dia seguinte já tem outras ou outros objetos “bagunça mesmo” no lugar. Substituo simplesmente. Isso percebo q não afeta só a mim mas está afetando física e emocional meu esposo. SOCORRO! É como se eu estivesse sendo enterrada com um amontoado de coisas.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *