Os 2 tipos de Vida – Qual a sua?

Exemplo ou Aviso?

Certa vez, Gandhi, já famoso, acompanhado por repórteres que iriam fazer um documentário sobre a vida dele, foi fazer uma viagem de trem na Índia, na 3ª classe. E pra quem conhece um pouco sobre o que é viajar de trem na Índia, sabe que a 3ª classe não é um modelo de conforto, muito pelo contrário.

Era uma viagem longa e o Gandhi disse que teria que fazê-la em completo silêncio. Após algumas horas de viagem, com o Gandhi meditando, um dos repórteres, ansioso e impaciente disse: “Mas Gandhi, qual a sua mensagem, diga alguma coisa! ”.

Gandhi, pacientemente olha e diz: “A minha vida é a minha mensagem”.

Essa história me lembra o que o Anthony Robbins diz, que a vida de cada pessoa ou ela serve como um exemplo ou ela serve como um aviso.

Se você vive a tua vida alinhada com teus valores, com teu propósito, buscando sempre melhorar, desenvolvendo novas possibilidades e habilidades, acreditando, realmente, que se você “não pode”, mas muda o final para “não pode ainda”, mas vai buscar, pra mim, é o tipo de vida que é um exemplo, do que é possível, que as outras pessoas olham e dizem: “Poxa vida, que bacana, eu quero fazer algo parecido, isso me inspira! ”.

Ou então, a vida pode ser um aviso. Aviso do que não fazer. Aviso do que a pessoa olha e diz: “Se eu fizer o que essa pessoa está fazendo, eu vou ter esse resultado? Não, não quero! ”.

A vida de todo mundo, ou é um exemplo ou um aviso.

E você, o que está fazendo da sua vida? Está construindo a sua vida pra ser um exemplo ou um aviso? Reflete nisso.

Se você gostou desse conteúdo, se achou interessante, comenta e compartilha!

Você também pode se inscrever no meu Canal do Youtube!

Até a próxima!

André Sampaio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.